Return to site

Sorocaba (SP) - Da bancada para o mercado

· são paulo

De início, o jovem cientista Douglas Spalato, aos 22 anos, tinha somente a intenção de obter financiamento para comprar equipamentos e ampliar a escala de sua pesquisa para novos processos de transformação de biomassa em etanol, com produtividade superior à obtida no mercado. Mas o objetivo ganhou outra dimensão após a ideia ter sido apresentada ao administrador de empresas Anderson Dutra, que carregava na bagagem ampla experiência na captação de investimentos para inovações e se constituiu um parceiro. “Após consultas a especialistas do setor sobre o potencial da proposta, sugeri que não exatamente aquela iniciativa pontual com etanol, mas o projeto maior e mais ambicioso de um centro de pesquisas gerador de patentes em biotecnologia que fosse submetido à análise de investidores”, conta Dutra.

All Posts
×

Almost done…

We just sent you an email. Please click the link in the email to confirm your subscription!

OKSubscriptions powered by Strikingly